À uma mãe: memórias

Hoje é o meu primeiro dia das mães e a primeira coisa que eu pensei em fazer, para guardar na memória este dia, foi escrever. Como eu gosto muito mesmo de escrever, esta é sempre a minha primeira opção quando eu quero guardar dentro de mim um momento bom. Só que ao longo dessa semana eu me dei conta de que nesses quase um ano de vida da Tereza eu tenho pouquíssimas fotos com ela.

Na verdade, eu estou sempre atrás das lentes fotografando-a, e quase sempre me esqueço de mudar de posição. Pensando nisso, eu decidi que neste meu primeiro Dia das Mães eu não iria escrever para guardar as memórias, eu iria ser fotografada com a Tereza e dar início a uma tradição anual entre nós duas. Falei com o Victor, aproveitamos o dia de sol, fomos até uma praça que fica perto da nossa casa, a Slovanské Náměstí, e o resultado das minhas memórias ficaram assim:

diadasmães7diadasmães8diadasmãesdiadasmães2diadasmães3diadasmães9diadasmães4diadasmães5diadasmães6

Eu sei que vou passar mais tantos outros meses sem me fotografar com a Tereza mas de tempos em tempos quero fazer algo assim, deixar rotina de lado, os afazeres doméstico para depois, e passar mais tempo registrando nossos momentos, afinal a vida passa e no fim só as memórias que ficam.

felizdiadasmães

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s